O que é necessário para se cadastrar no Programa

Ser Mãe Coruja

Municípios atendidos pelo Mãe Coruja

Cantos Mãe Coruja

Notícias do Blog

Programa Mãe Coruja da VIII GERES realiza a primeira reunião de monitoramento do ano

 

Na quarta-feira 31 de janeiro, a equipe do  Programa Mãe Coruja Pernambucana da VIII Região de Saúde de Pernambuco, realizou na cidade de Petrolina, a primeira reunião de monitoramento e avaliação do Mãe Coruja do ano. Participaram profissionais dos cantos Mãe Coruja, coordenação do Programa (VIII GERES) e a apoiadora de saúde mental. O objetivo da reunião foi monitorar os indicadores e discutir assuntos de relevância para o programa, tal como a campanha do Janeiro Branco.

 

 

Nesta reunião, foi discutido com os técnicos dos municípios, a campanha do Janeiro Branco, mês em que é realizada a ação da conscientização da importância do cuidado à saúde mental. A discussão sobre a temática foi realizada pela psicóloga, apoiadora da VIII GERES, Gabriella Wrublewski. Na sua fala, ela enfatizou a importância dos profissionais na promoção do cuidado à saúde de uma forma mais ampla, apontando fatores de riscos, ações de cuidado à saúde mental. Falou também sobre algumas síndromes, como o Burnout, que é um esgotamento físico e mental causado pelo processo de trabalho. “Precisamos cuidar da nossa saúde mental todo o dia, o Burnout tem sido um agravo mais prevalente em profissionais de saúde. Isto sinaliza a importância de estarmos hoje aqui, discutindo sobre esta temática”, disse Gabriella.

 

 

A coordenadora do Mãe Coruja (VIII GERES), Angélica Eguchi, relatou que esta foi uma temática discutida durante o mês de janeiro nos cantos do Mãe Coruja, com as mulheres que fazem parte do programa e profissionais de saúde da rede municipal de saúde. “A relevância deste tema, é o estímulo aos profissionais de saúde é prevenir o adoecimento decorrente do processo de trabalho. Cada vez mais precisamos estimular que estes profissionais cuidem da sua saúde e assim, qualificar as ações de cuidado às gestantes e crianças dos nossos Cantos.”, enfatiza a coordenadora.

 

Texto:

Equipe do Mãe Coruja de Petrolina (VIII GERES)

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Instagram has returned invalid data.
© 2015 - 2018 Mãe Coruja Pernambucana
Mãe Coruja
Governo do Estado do Pernambuco