O que é necessário para se cadastrar no Programa

Ser Mãe Coruja

Municípios atendidos pelo Mãe Coruja

Cantos Mãe Coruja

Notícias do Blog

Mãe Coruja realiza busca ativa na área indígena em Cabrobó

 

 

O Canto Mãe Coruja e o Círculo de Educação e Cultura (CEC) em Cabrobó, no Sertão, realizaram no último dia 27 de dezembro de 2019, ação de busca ativa na Ilha de Assunção, território indígena. A Busca ativa é uma estratégia que utilizamos para chegar até as famílias e ao território em especial as de difícil acesso e/ou aquelas que por algum motivo deixaram de frequentar o Canto Mãe Coruja, muitas vezes por decorrência do final de uma gestação e período puerperal. É uma maneira de levar informação, orientação e identificar necessidades e demandas das famílias Mãe Coruja, além de realizar acompanhamento do pré natal, puerpério e puericultura em tempo oportuno.

 

 

 

 

Um dos pontos fundamentais dessa estratégia é chegar até as famílias Mãe Coruja para ofertar-lhes o cuidado e orientá-las em tempo hábil, garantindo que tenham acesso aos serviços de assistência a saúde, e cidadania bem como todos os outros que demandarem. Vale ressaltar que por meio desta estratégia é possível fortalecer o vínculo afetivo com as mulheres e crianças cadastradas no Programa Mãe Coruja e seus familiares, e com isso obter resultados e melhorar indicadores avaliados pelo Programa, além das relações interpessoais. O município de Cabrobó tem avançado em relação ao indicador de puericultura assim como na área indígena e isso deve-se ao fato do Programa estar mais perto dessas mulheres e crianças, buscando sempre a ampliação do atendimento com qualidade até mesmo para aqueles mais distantes.

 

 

 

 

Diante do exposto, faz todo sentido afirmarmos que a busca ativa, é uma estratégia para as ações preventivas, proativas e de promoção da saúde no Programa Mãe Coruja. É ficando perto das nossas mulheres e crianças que podemos garantir que elas estejam bem cuidadas e acolhidas.

 

 

 

 

Texto:

Ana Cláudia Torres e Sandra Costa

Técnica do Programa Mãe Coruja Cabrobó-PE (VIII GERES).

Rosa Flor

Professora do Circulo de Educação e Cultura da área indígena

Ilha de Assunção

Comentários

  1. Eulália Santos 3 de janeiro de 2020 at 10:57

    Parabéns pela iniciativa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Instagram has returned invalid data.
© 2015 - 2020 Mãe Coruja Pernambucana
Mãe Coruja
Governo do Estado do Pernambuco